quinta-feira, 18 de julho de 2013

Diário de dieta: quando bate a preguiça...


As duas últimas semanas foram de muita ansiedade e muita preguiça. Escapuli dois dias da academia (um deles porque a academia não abriu e mesmo assim não fui pra rua correr). Tenho uma fome incontrolável. O vinho anda me apetecendo cada vez mais. Até bate a dúvida: mas tá valendo a pena? Eu não sei o que acontece, nem porque acontece. Sei que de vez em quando o bicho pega, eu vivo com preguiça, sem conseguir focar, nem fazer nada direito. Claro, trabalho. Mas todo o resto que eu deveria estar lendo, estudando, revisando: trava. Não me concentro e só sinto fome.

Sei que é uma fase. Sei que vai passar. Mas incomoda estar assim. Como essa não é a primeira vez que acontece, sei que se eu ratear estarei agarrada ao sedentarismo e cometendo excessos gastronômicos, entrando numas de que todo dia é dia de exceção. E aí que recebi as fotos da Night Run, última corrida que participei aqui em Porto Alegre. E tinha uma foto de pose semelhante a uma outra que foi tirada na Corrida das Estações Adidas, em maio. E eu visualizei a diferença. Aí notei que valia a pena. Prestenção: a primeira foto é de 12/05, a segunda de 06/07:

Desconsiderem a cara vermelha e a cara de assustada. Nem vi tirarem a foto! hehehehe Prometo que na próxima faço pose!


Nesses desafios longos, é fundamental que a gente passe o tempo inteiro se motivando. Tudo precisa virar estímulo pra não deixar a peteca cair. Tive muito em dúvida se publicava essa foto. Gosto muito de escrever e pouco de mostrar a cara (sou tímida :D ). Mas isso me motivou a continuar, a não desistir, a ser mais vigilante com a alimentação e não deixar a preguiça me afastar da academia ou ficar pegando mais leve (por pura preguiça). Tá valendo a pena. Mesmo.


5 comentários:

Meu mundo! Vanessando por aí... disse...

Que massa Paula, parabéns pela persistência! Vale muito a pena sim, com certeza. Eu tenho um funcionamento parecido com o teu e a preguiça e as exceções estão no auge. Fui a uma nutri há uns 10 dias e agora é ter foco na reeducação alimentar e exercícios. Tô pensando até num personal, ao menos nos 3 primeiros meses... Enfim, força na peruca, tamo junto!

Paula Coruja disse...

O negócio é não deixar a peteca cair! E apoio muito a decisão de ter um personal. Faz toda a diferença!!! Eu vi essa foto de maio e choquei. Imagino como teria sido ter uma foto do primeiro dia em que entrei no consultório da nutricionista, quando eu tava quase 10 quilos mais gorda que a primeira foto! O negócio é focar e ir. Não dá pra pensar muito! hehehehehehehe
Beijoca, queri!
E força na peruca!!!

Unknown disse...

Eu não tenho nenhuma dúvida que tu vais continuar. Te admiro muito por colocar as coisas na cabeça e FA-ZER!!!! Quando tu parou de fumar, te juro, achei que não duraria, e cada vez que sabia que tu continuava com o propósito, mais te admirava. Com esse proposito vai ser igual. Não sei de onde tu tira as forças, mas deve ser um poço bem fundo, pq não acaba nunca... beijoooooo

Paula Coruja disse...

<3 Gracias, gracias! #émuitoamor

Sabrina Finoti disse...

Fico boba de ver a tua motivação, a diferença das fotos é nítida, realmente se tivermos um pouquinho mais de esforço conseguimos manter sim, é só colocar a cabeça no lugar e lembrar de como era antes da dieta.

bjs!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...