terça-feira, 28 de agosto de 2012

Mais do que sal, gersal


E a saga para emagrecer com saúde continua. As coisas não andam fáceis, mas eu também não ando esquentando a cabeça. Vamos devagarinho, um passo de cada vez, pois já chegamos bem longe. Não tem motivo para ter pressa com isso. Mas seguidamente eu preciso lembrar de algumas coisas: não dá para descuidar com a água, tira a preguiça do corpo e vai fazer um exercício, não, não dá pra jantar à meia-noite.  Sim, ando tendo fome fora de hora porque ando dormindo mais tarde. Tou tentando me policiar de novo para ir para a cama cedo, mas nem sempre consigo. Por ir dormir mais tarde, ando com preguiça de levantar de manhã para correr. Um pé no saco. Tem vezes que eu me expulso da cama e vou quase chorando. Essa coisa de ir dormir tarde tem atrapalhado mesmo, já que diminuí a frequência de exercícios de seis para três vezes por semana. Mas já tou trabalhando para retomar. E a água, sempre ela. Ando tomando muito chá, mas tem que tomar água. Procuro adotar metas, mas quando vi passou o dia e tomei um litro só. Não dá. Mas mudar hábitos é assim: a gente vai tentando, mudando, tropeçando, voltando. O negócio é se dar conta do que tá errado e não desistir de mudar!

E a dica de hoje (porque diário sem dica é puro mimimi) é um tempero nutritivo e delícia. Experimentei o tal de gersal em um restaurante vegetariano aqui de Porto Alegre e achei completamente viciante. A receita é simples: gergelim branco, gergelim preto, uma pitada de sal ou sal marinho tostado no azeite de oliva. Depois  é só bater no liquidificador, colocar num saleiro/pimenteiro/algo do gênero para polvilhar e voilà! Tá pronto! Eu coloquei beeeeeeeeem pouquinho sal mesmo, já que pra mim a graça tá no gergelim tostado. Tem quem coloque só gergelim branco. O importante é o sabor e fica uma delícia na salada e na comida.



Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...