quinta-feira, 28 de junho de 2012

Mais do mesmo (que já encheu o saco)

Sabe aqueles dias em que tu acorda cansada? Ando meio assim, cansada. Mas não pensem que é falta de disposição, objetivo ou projetos. Nada disso! Tou é meio cansada da padronização e falta de criatividade. Com a massificação das informações de moda e popularização de referências acabamos vendo muito mais do mesmo na rua. Sempre existiu uma identificação da maneira de se vestir com certos grupos, mas certas fronteiras parecem não existir.

Hoje, seguir tendência virou sinônimo de padronização. Não aguento mais ver camisa de seda na rua. Tenho coceiras cada vez que vejo alguém colocar só um lado da camisa para dentro. Também não aguento mais o mundo inteiro com coque bem no alto da cabeça. Tenho certeza que as pessoas vão querer queimar suas golinhas cheias de pedraria em pouco tempo (o que eu tenho vontade de fazer já). Não aguento mais as mesmas marcas, as mesmas bolsas.



Quando a gente olha blogs e instagram essa ideia de reprodução em massa fica mais evidente. Sobra marca e empilhamento de tendência e falta estilo, personalidade. Fora a megavalorização do que é de fora. E essa constatação não é só minha. É de quem passou pela semana de moda em São Paulo, é de quem vem de fora e acha que tem uma fábrica onde todo mundo sai igualzinho, é até do The Guardian. É de gente como eu que tá cansada do mais do mesmo. E a impressão que dá é que quanto mais dinheiro vai entrando, mais iguais vão ficando (quem não nota a diferença de "criatividade" pra se vestir de blogueiras de "primeira linha" há cinco anos e agora?). E mais as pessoas vão querendo ficar iguais a elas.

Desculpaê, mas cansei. De verdade.




4 comentários:

giubolzan disse...

Disse tudo!

A mode está "perdendo a graça" e a personalidade.

Ótimo post!

Besos,
Giu
www.estilosdarua.com

Paula Coruja disse...

Oi, Giu!
Brigadinha!
Mas vai dizer, né?
Cansa os olhos (e a paciência)!
beijocas, queri!

Anônimo disse...

Tb nao posso mais ver camisa de seda, golinha de pedras e maxi colar por cima da blusa!! Adorei o post! Vou retuitar com certeza! Bjos, Raquel @raqcunha

Greice Gomes disse...

Mas não acho isso seja algo recente. Seguir uma tendência é, sem dúvida, entrar em um padrão. Não seguir nenhuma tendência é seguir o padrão da negação; no final das contas, é um padrão.
Muita gente se acha super autêntica e 'contra o sistema' por usar All Star e coisas do gênero, mas, na verdade, é só mais uma pecinha da engrenagem que enriquece essas marcas e mais um para aumentar o exército de pessoas diferentemente iguais às outras.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...